Homem é morto com quatro tiros em Triunfo

Disputa por ponto de tráfico de drogas pode ter sido motivo para o crime

Por Portal de Notícias 24/03/2020 - 12:36 hs

André Fagundes, de 41 anos, conhecido como Alemão, foi alvejado por volta das 20h30min de sexta-feira (20/03), na Vila Tieta, interior de Triunfo. O homem chegou a ser conduzido ao Hospital Montenegro, mas não resistiu aos ferimentos e morreu. A vítima possuía extensa fixa criminal. A Polícia Civil investiga se a motivação do crime está relacionada com disputa de ponto para o tráfico de drogas.
De acordo com o registro da Brigada Militar (BM), André estava em sua residência quando dois indivíduos, em um Fiat Uno preto, desceram do carro e chamaram pela vítima. Ao abrir o portão, o homem foi surpreendido por disparos de arma de fogo. André foi acertado por quatro disparos. A vítima teria revidado a ação com uma pistola calibre 380 que possuía. Os atiradores fugiram levando a arma.
A vítima era casada e tinha três filhas. Conforme o delegado Lúcio Melo, titular da Delegacia de Polícia Civil de Triunfo, parentes de Alemão teriam presenciado a cena do crime. Nos próximos dias, essas pessoas irão prestar depoimento.
- Serão ouvidos para tentar ajudar a esclarecer o fato -  acrescenta o delegado.
André possuía antecedentes pelos crimes de homicídio, falsidade ideológica, posse de entorpecente, tráfico de drogas, receptação, porte ilegal de arma de fogo de uso restrito, roubo à residência, ameaça, furto qualificado, e por dirigir sem habilitação. A hipótese de queima de arquivo não é descartada pela Polícia, mas a principal suspeita é de que o motivo tenha sido uma disputa por território para venda de drogas.
Esse foi o segundo homicídio registrado em Triunfo neste ano. Em 9 de fevereiro, João Batista Botelho, de 47 anos, foi alvejado, dentro do Bar da Jaque, na localidade de Vendinha (Vila do Peninha, no limite entre Triunfo e Montenegro).








Deixe seu Comentário

Os comentários de leitores, no site ou em redes sociais, não representam a opinião do Portal de Notícias e são de responsabilidade única e exclusiva de seus autores, que poderão ser responsabilizados legalmente pelo seu conteúdo.