Minas do Leão tem primeiro caso suspeito de coronavírus

Mulher de 60 anos, diabética e hipertensa, apresentou sintomas gripais

Por Portal de Notícias 23/03/2020 - 08:01 hs
Foto: Banco de Imagens
Minas do Leão tem primeiro caso suspeito de coronavírus
Mulher de 60 anos, diabética e hipertensa, apresentou sintomas gripais

Neste domingo (22/03), o município de Minas do Leão registrou o primeiro caso suspeito de infecção pelo novo Coronavírus. Por solicitação do médico de plantão, às 19h foi coletada amostra de uma mulher de 60 anos. A paciente é diabética e hipertensa - estando, portanto, no grupo de risco. Ela teve febre e apresentou sintomas gripais. A paciente ainda informou que não teve contato com pessoas que estiveram fora do país ou com pessoas possivelmente infectadas pelo novo Coronavírus. A amostra foi encaminhada para análise do Laboratório Central do Estado (Lacen).
-------------------
LEIA TAMBÉM
Confirmado primeiro caso de coronavírus na Carbonífera, em Charqueadas
VÍDEO | Coronavírus: Estado decreta situação de calamidade pública e anuncia novas restrições
VÍDEO | Coronavírus: Prefeitura de São Jerônimo determina fechamento do comércio e serviços
VÍDEO | Coronavírus: Prefeitura de Triunfo decreta calamidade pública e restringe comércio e serviços
VÍDEO | Prefeitura de General Câmara anuncia medidas de prevenção contra coronavírus
VÍDEO | Prefeitura de Arroio dos Ratos adota medidas mais duras contra o coronavírus
VÍDEO |Médica Rosângela Dornelles alerta sobre o coronavírus
Coronavírus: Município de Butiá decreta estado de emergência
Arroio dos Ratos registra primeiro caso suspeito de coronavírus
Coronavírus: Prefeitura de Charqueadas determina fechamento do comércio e serviços
-----------------------

SINTOMAS E PREVENÇÃO

Os sinais e sintomas clínicos do novo coronavírus são semelhantes aos da gripe ou resfriado. Em casos mais graves, podem ser iguais à pneumonia, com infecção do trato respiratório inferior Geralmente o paciente apresenta febre, tosse e dificuldade para respirar.
Para prevenir o contágio, as pessoas devem:
• evitar contato próximo com pessoas que sofrem de infecções respiratórias agudas;
• realizar lavagem frequente das mãos, especialmente após contato direto com pessoas doentes ou com o meio ambiente;
• utilizar lenço descartável para higiene nasal;
• cobrir nariz e boca quando espirrar ou tossir;
• evitar tocar mucosas de olhos, nariz e boca;
• higienizar as mãos após tossir ou espirrar;
• não compartilhar objetos de uso pessoal, como talheres, pratos, copos ou garrafas;
• manter os ambientes bem ventilados;
• evitar contato próximo a pessoas que apresentem sinais ou sintomas da doença;
• evitar contato próximo com animais selvagens e animais doentes em fazendas ou criações.
Profissionais de saúde devem utilizar medidas de precaução padrão, de contato e de gotículas (máscara cirúrgica, luvas, avental não estéril e óculos de proteção).