Recorde: Charqueadense é o mais jovem doutor em Linguística Aplicada

Com 26 anos, seis meses e 14 dias, marca pertence ao gaúcho Marlon Machado Oliveira Rio

Por Portal de Notícias 28/09/2020 - 08:49 hs
Foto: Arquivo Pessoal
Recorde: Charqueadense é o mais jovem doutor em Linguística Aplicada
Marlon Machado Oliveira Rio concluiu doutorado em Linguística Aplicada com 26 anos, seis meses e 14

O professor de Charqueadas (RS), Marlon Machado Oliveira Rio entra para o RankBrasil pelo recorde de mais jovem doutor em Linguística Aplicada. Ele concluiu o programa de doutorado pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos (Unisinos) em 25 de agosto de 2020, com 26 anos, seis meses e 14 dias. As informações são do site RankBrasil.
Em sua tese, Marlon trabalhou com o desenvolvimento oral de alunos de inglês em uma escola pública, com o apoio de tecnologias digitais adicionais, de modo que fosse possível colaborar com o desenvolvimento oral dos estudantes em língua inglesa por uma perspectiva sociocultural.
- Através do projeto ‘My city –my world’ (Minha cidade - meu mundo) foi possível trabalhar com temas relacionados à realidade dos alunos, para que eles tanto percebessem quanto conseguissem se desenvolver oralmente em língua inglesa - conta o doutor.
____________
LEIA TAMBÉM
Foco e disciplina: charqueadense Marlon Rio concorre ao título de doutor mais jovem do Brasil
___________
De acordo com o gaúcho, pelo fato de o desenvolvimento oral ser um grande desafio para professores e para diferentes alunos, esse projeto veio ao encontro de uma possível proposta para sanar as lacunas e dificuldades dentro do ensino de inglês na escola pública, que pode ir muito além do ensino do ‘verbo to be’.
- As tecnologias digitais usadas (websites, aplicativos, plataformas digitais, celulares, entre outros) foram importantes. No entanto, a autonomia, a colaboração, o respeito e a ajuda mútua entre todos os participantes foram os aspectos que realmente contribuíram para o sucesso do projeto - destaca.
Marlon comenta que a principal dificuldade em concluir o doutorado foi lidar com a pesada rotina de estudos, conciliando com o trabalho, a vida pessoal, social e as bruscas mudanças acarretadas pela pandemia.
- Além da fé em Deus, tive a ajuda de diversas pessoas, entre profissionais, alunos e amigos, como pastores na fé cristã, colegas de profissão, minha esposa Ana Lia e minhas orientadoras de doutorado, professoras Marília dos Santos Lima e Christine Siqueira Nicolaides.
Segundo o recordista, a pesquisa de doutorado foi algo extremamente prazeroso.
- Poder trazer uma possível solução para uma realidade escolar pública, da qual fiz parte durante toda minha infância e adolescência, é como poder trazer uma possível resolução de problemas que gostaria de terem sido consideravelmente sanados no passado. A educação tem algo único em si, que é esse grande poder de potencializar a transformação de pessoas, as quais provavelmente deixarão suas marcas em suas diferentes localidades socioculturais no futuro – diz.
Marlon acredita indubitavelmente na formação continuada. Conforme ele, diante da pandemia é possível ver profissionais que se reinventaram, foram além de seus antigos limites e estão crescendo em contraste às dificuldades.
- A formação continuada, panoramicamente falando, traz em si a essência para a criatividade brotar, mesmo em tempos de crise - afirma.
De acordo com o professor, entrar para o RankBrasil não significa apenas a conquista de um recorde, mas é uma forma de compartilhar as dificuldades que enfrentou na sua formação em diferentes contextos educacionais, uma vez que veio de uma família humilde.
- Com este recorde, o RankBrasil apresenta uma vitória da educação e de múltiplos esforços tomados por alguém que talvez não teve um começo tão favorável, mas com a graça de Deus superou os diversos obstáculos para ser um pouco mais relevante na vida de muitas pessoas na sociedade - ressalta.

Trajetória de sucesso

O gaúcho é professor de inglês em uma escola privada em Porto Alegre (RS) e leciona alemão, espanhol, italiano, francês, inglês e português no seu empreendimento educacional MR Languages. Ele também trabalha como tradutor de documentos, conferências e diferentes eventos nestes idiomas.
Além de doutor, Marlon é mestre em Letras (Linguística), laureado em licenciatura plenaem Letras-Inglês, licenciado em Letras-Português e especialista em Educação e Contemporaneidade. Também é especialista em Teologia e possui MBA em Coaching. Possui cursos complementares online de formação advindos de diferentes universidades em diferentes áreas (educação, tecnologias digitais, ensino e aprendizagem de idiomas, filosofia, sociologia, teologia, desenvolvimento humano e profissional, entre outros).
Atualmente é estudante de Teologia e dos cursos de especialização em Marketing Digital, em Metodologias para o Ensino Superior e em Metodologias para a Educação a Distância (EaD).
É autor de livros, artigos e capítulos de livros, com pesquisas realizadas nas áreas de ensino e aprendizagens de idiomas. Também escreve na área da teologia, dentro de suas interfaces com as áreas de tecnologias digitais, filosofia da religião, teologia prática e docência do ensino religioso.
Marlon ainda foi participante e professor de um curso de língua inglesa com bolsa de estudos no programa de intercâmbio internacional na China (TOP CHINA - Santander) na Universidade de Jiao Tong em Xangai, quando tinha apenas 20 anos.

As informações são do site RankBrasil

Entre no grupo do Portal de Notícias no Telegram e receba notícias da região

 








Deixe seu Comentário

Os comentários de leitores, no site ou em redes sociais, não representam a opinião do Portal de Notícias e são de responsabilidade única e exclusiva de seus autores, que poderão ser responsabilizados legalmente pelo seu conteúdo.