Sobe para 96 o número de casos de coronavírus em Charqueadas

Foram 26novos casos nesta segunda-feira. Região Carbonífera chega a 291 casos, sete óbitos e 179 pessoas recuperadas

Por Portal de Notícias 29/06/2020 - 21:23 hs

Em boletim epidemiológico divulgado na noite desta segunda-feira (29/06), a Secretaria Municipal de Saúde de Charqueadas confirmou mais 26 casos de coronavírus no município, que chega a 96 casos confirmados. Deste total, 41 já se recuperaram, 54 estão ativos em tratamento (seis hospitalizados) e uma pessoa morreu em consequência da covid-19. O município tem, ainda, 40 casos suspeitos em análise.
Do total de casos confirmados, 37 são do complexo prisional (14 nesta segunda-feira) e 59 da comunidade local. Dos 40 casos em análise, seis são da comunidade local e 34 do sistema prisional.
Até hoje, o Serviço de Vigilância em Saúde computou um total de 629 testagens para Covid-19 em pessoas residentes, trabalhadores e apenados de Charqueadas, sendo que 493 foram descartados.



REGIÃO CARBONÍFERA TEM 291 CASOS E SETE ÓBITOS

Com a confirmação do segundo óbito em São Jerônimo, nesta segunda-feira (29/06) a região Carbonífera totaliza sete mortes em consequência no novo coronavírus. As vítimas eram pacientes de São Jerônimo (2), Arroio dos Ratos, Butiá, Charqueadas, General Câmara e Triunfo.
Também nesta segunda-feira foram conformados três novos casos em Butiá, um em Triunfo, dois em Arroio dos Ratos e 26 em Charqueadas. Com isso, a região Carbonífera chega a 291 pessoas contaminadas pela Covid-19. Deste total, 105 estão ativos em tratamento, 179 (61,5%) já se recuperaram e sete morreram em consequência da covid-19. Confira na tabela a situação de cada município:



==================
RECEBA NOTÍCIAS PELO TELEGRAM
> Inscreva-se no nosso grupo no Telegram e receba notícias da região Carbonífera!
> Baixe o Telegram na sua loja de aplicativos
> Entre no grupo pelo link:
https://t.me/joinchat/MXKl8hN1N3Ol7kAnfvgcwg
=====================

 








Deixe seu Comentário

Os comentários de leitores, no site ou em redes sociais, não representam a opinião do Portal de Notícias e são de responsabilidade única e exclusiva de seus autores, que poderão ser responsabilizados legalmente pelo seu conteúdo.