Metasa pode retomar atividades em Charqueadas no final de outubro

Empresa foi contratada para fabricação de containers para a Siemens e deverá recrutar cerca de 50 trabalhadores, caso se confirme a execução em Charqueadas

Por Portal de Notícias 11/09/2018 - 17:25 hs
Foto: Divulgação
Metasa pode retomar atividades em Charqueadas no final de outubro
Unidade da Metasa em Charqueadas
A Metasa S.A. Indústria Metalúrgica poderá retomar as atividades na unidade de Charqueadas no final do próximo mês de outubro. Com as operações da unidade paralisadas desde o dia 31 de maio deste ano, a empresa foi contratada para fabricação de containers para a Siemens e o projeto poderá ser executado em Charqueadas.


Leia também:

Metasa diz que unidade de Charqueadas está “em manutenção”

De acordo com o gerente industrial Jorge Rogério dos Santos, que está na sede da empresa em Marau apresentando os levantamentos realizados para execução do projeto, existe 90% de chances de que os containers sejam fabricados em Charqueadas.
- Estamos fazendo os estudos de viabilidade financeira para levar para a unidade de Charqueadas. Caso a direção da empresa tome esta decisão, a projeção é iniciar a execução no final do mês de outubro – revela.

Ainda de acordo com Santos, deverão ser contratadas 50 pessoas e o prazo de execução é de cerca de seis meses.

Santos revela, ainda, que foram apresentados orçamentos de serviços para outras empresas e que a Metasa aguarda retorno positivo. Porém, isso só deve ocorrer após as eleições ou no início do próximo ano.

Relembre o caso

Devido à retração do mercado, que provocou queda na operação de fabricação e montagem de estruturas metálicas, a Metasa optou por colocar sua unidade de Charqueadas em manutenção, no final de maio deste ano, mantendo apenas três trabalhadores na fábrica. Em nota enviada ao Portal de Notícias, a empresa informou que pretendia retomar a produção da unidade “tão logo os projetos previstos e não contratados no primeiro semestre de 2018 voltem à pauta e saiam efetivamente do papel”.