Estado promete manter pagamento a hospitais em dia a partir de março

Ainda não há definição sobre os valores relativos aos últimos quatro meses de 2018, que estão em atraso

Por Portal de Notícias 15/02/2019 - 17:49 hs
Foto: Marcelo Ermel/ Ascom SES
Estado promete manter pagamento a hospitais em dia a partir de março
Secretária Arita Bergmann participou da Assembleia nesta sexta

Contando com mais de 150 representantes de Santas Casas e Hospitais Filantrópicos do Estado, ocorreu na manhã desta sexta (15), Assembleia Geral da Categoria que teve como pauta única o relacionamento com o Governo do Rio Grande do Sul. A Assembleia contou com a participação da secretária estadual de Saúde, Arita Bergmann, e da secretária substituta, Aglaé Regina da Silva, da diretora do Fundo Estadual de Saúde, Meriana El Kek, do coordenador da Assessoria Jurídica da SES, Bruno Naundorf, e com a diretora do DAHA, Lisiane Fagundes.
Arita detalhou aos gestores a situação financeira do governo do Estado na área da Saúde. Com hospitais, o total empenhado chega a R$ 93 milhões.

Depois, explicou que ainda não há definição da forma de repasse dos valores remanescentes de 2018 (setembro, outubro, novembro e dezembro) e que ainda é necessária a realização de mais reuniões do Governo do Estado para apresentação de um cronograma de pagamentos. Por este motivo, a categoria permanece em Assembleia permanente.
Por conta dos atrasos, o Hospital de São Jerônimo suspendeu todos os serviços prestados por meio do convênio com o Estado e está atendendo somente casos de urgência. A instituição tem R$ 3,6 milhões a receber.

Leia também:
Hospital de São Jerônimo atende apenas casos de urgência
Funcionários do Hospital São Jerônimo cobram salários atrasados
Canceladas consultas com especialistas no Hospital de São Jerônimo
 
Arita também confirmou a informação de que, a partir da competência de março, com pagamento em abril, os hospitais passarão a ter creditados os pagamentos em dia do  MAC, complementação e Incentivos Estaduais.

Foi anunciada, também, a abertura da 11ª Edição do FUNAFIR.
- É um empréstimo do Estado para viabilizar o funcionamento dos hospitais -  enfatizou Arita.
Os valores estarão disponíveis pelo Banrisul a 112 hospitais via Fundo de Apoio Financeiro e de Recuperação dos Hospitais Privados, Sem Fins Lucrativos e Hospitais Públicos (Funafir).
- O Funafir foi um pedido da Federação das Santas Casas e Hospitais Filantrópicos. Estamos atendendo a esse pedido. O governo Eduardo Leite foi sensível em relação a isso - explicou a secretária.