Serviço de Inteligência da BM prende operadores de drones em Charqueadas

Equipamentos eram utilizados para lançar objetos para o interior das casas prisionais do complexo

Por Portal de Notícias 11/02/2019 - 08:34 hs
Foto: Divulgação / Brigada Militar
Serviço de Inteligência da BM prende operadores de drones em Charqueadas
Dispositivo foi apreendido pela Brigada Militar

Na madrugada de domingo (10), a Brigada Militar (BM) de Charqueadas prendeu duas pessoas e apreendeu um menor responsáveis pela operação de drones que eram utilizados para lançar objetos para o interior das casas prisionais do complexo penitenciário da cidade.
De acordo com a BM, o Serviço de Inteligência do 28º BPM já vinha monitorando a movimentação de veículos e pessoas estranhas, em locais próximos ao complexo, bem como possíveis pontos de partida de drones que por diversas vezes tentavam introduzir objetos ilícitos para o interior de penitenciarias. Até o momento, dez aparelhos já haviam sido abatidos e apreendidos por policiais militares e agentes da Susepe desde 2017.

Leia também
Agentes penitenciários da PASC apreendem drone

No domingo, a BM foi até a Avenida Vale das Flores, n° 1.800, no bairro Colônia Penal, porque havia informação de que um drone sobrevoava a área do complexo prisional. Durante a averiguação, o dispositivo foi avistado sobrevoando e retornando da área das penitenciarias em direção à estrada da prainha. Os policiais do policiamento ostensivo e da PATAMO viram o drone descendo na frente de um automóvel gol, de Porto Alegre. O veículo fugiu em direção à prainha da Colônia, passando por cima do aparelho. Já na prainha, o veículo foi abordado e foram identificadas três pessoas em seu interior: W. P. G. de 23 anos, P. A. L. de 25 anos e um adolescente  de 17 anos. Também foi localizada uma maleta de isopor para acondicionar o dispositivo e um controle, além do drone Phanton 4, quebrado, uma nota fiscal do aparelho em nome de W. P. G. e um celular.
No momento das prisões, a guarda externa da Penitenciaria Estadual de Charqueadas (PEC) entregou aos policiais uma garrafa plástica com esponja e um celular Iphone S que deveria ter sido lançado para dentro da PASC, de acordo com a localização de imagem no celular apreendido.
W. P. G. e P. A. L. foram presos e o adolescente apreendido e encaminhados a Delegacia de Policia de Charqueadas.