Simon Heberle fala sobre o seu primeiro ano à frente da Prefeitura de Charqueadas

Simon Heberle fala sobre o seu primeiro ano à frente da Prefeitura de Charqueadas

Prefeito se pronunciou da tribuna durante a abertura dos trabalhos da Câmara de Vereadores

Por Portal de Notícias 07/02/2018 - 16:01 hs
Foto: Cauê Florisbal
  Simon Heberle fala sobre o seu primeiro ano à frente da Prefeitura de Charqueadas
Prefieto Simon Heberle falou na Sesseão da Câmara de Vereadores

Na noite desta terça-feira, 6, o prefeito Simon Heberle de Souza participou da sessão da Câmara de Vereadores de Charqueadas que marcou a posse da nova Mesa Diretora do Legislativo para o ano de 2018. Ele falou da tribuna durante oito minutos.

No inicio do pronunciamento, o prefeito falou sobre o reflexo da divida do Projeto Cura em sua gestão.

- No ano passado, discutimos fortemente a questão do Projeto Cura e conseguimos reorganizar alguns problemas que o município precisava enfrentar – disse.

Presídio federal

A instalação de um presídio federal em Charqueadas tem sido alvo de críticas de parte da população e de opositores do governo. Heberle enfatizou os benefícios que o novo complexo prisional irá trazer para Charqueadas e lembrou o impacto que os demais presídios geraram na economia da cidade.

- A vinda do presídio federal, que para muitos é uma coisa ruim, irá ajudar no desenvolvimento da cidade. As cadeias já geraram empregos para os agentes penitenciários do município. Hoje, temos em Charqueadas 5.600 presos, mas o que causa preocupação são apenas os do sistema semiaberto - disse o prefeito.

Foco não é a reeleição

Heberle mostrou tranquilidade em relação às criticas a algumas medidas tomadas. Para ele, os reflexos que estas decisões vão gerar nas eleições de 2020 não é preocupação de sua administração.

- Não tenho medo do que irá acontecer daqui três anos. Sempre deixo claro que a minha preocupação é resolver os problemas de Charqueadas – afirma.

Refletir o que precisa mudar

Simon lembrou a eleição de 2016, uma das mais disputadas da história de Charqueadas, da qual saiu vitorioso. Para ele, o grande número de votos do seu oponente mostra que o Município precisa de mudanças.

- Ganhamos uma eleição por pouco mais de 190 votos, de uma grande liderança que é o ex-vereador Ricardo Vargas. Isso faz refletir no que precisamos mudar – afirma.

Atendimento às demandas

Durante o primeiro ano de governo, vereadores de oposição cobraram a solução de demandas não atendidas, algumas até que entraram em pauta no Legislativo mais de uma vez. O prefeito pediu desculpas aos vereadores por não conseguir atender a todas as demandas e pelos projetos que não saíram do papel.

- Infelizmente houve demandas que não tivemos como sanar devido às dificuldades que a gestão vem enfrentando. Peço desculpas aos vereadores por aquilo que não conseguir fazer, são pensamentos bons que não tivemos como transformar em realidade – disse.

Questionado pela reportagem do Portal de Notícias sobre o futuro do Hospital de Charqueadas, Heberle revelou que o Executivo segue em tratativas com o governo do estado para assinar o convênio. Heberle acredita que, assim que se encerrar o debate sobre as reformas administrativas do Estado, o Palácio Piratini irá agilizar a questão do hospital.

O Município tinha expectativa que o governo do estado assinasse o convênio neste mês, mas até agora a Secretaria Estadual de Saúde não realizou ações que viabilizem a reabertura do Pronto Atendimento como Hospital.