Para melhorar qualidade da educação, Triunfo busca parceria com a UFRGS

Para melhorar qualidade da educação, Triunfo busca parceria com a UFRGS

Apesar dos altos investimentos, Município é o terceiro pior do estado de acordo com o IDEB

Por Portal de Notícias 06/02/2018 - 10:47 hs
Foto: Paola Olivera/VF Comunicação
Para melhorar qualidade da educação, Triunfo busca parceria com a UFRGS
Reunião com as pesquisadoras teve como objetivo estabelecer parceria para assessoramento técnico

O prefeito municipal de Triufo, Valdair Kuhn, participou de reunião com especialistas em Educação da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) com o objetivo estabelecer parceria para assessoramento técnico-pedagógico com as pesquisadoras e doutoras da universidade para melhorar a qualidade do ensino no Município, um dos piores do estado segundo o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB).

O encontro ocorreu no dia 1º e foi realizado na Secretaria de Educação de Triunfo, contado também com a presença do vice-prefeito, Orizon César, e do secretário de Educação, Pedro Canizio Dias Carvalho.

- Conversamos sobre de que forma vamos construir esse trabalho de parceria e de assessoramento para melhorar a qualidade da educação no município, realizar um projeto pedagógico que dialogue com a comunidade, com a escola e que atenda às particularidades de cada uma delas - explica o secretário de Educação.

Esta foi a terceira reunião com as especialistas. No dia 16 de janeiro, o prefeito municipal foi até a UFRGS falar sobre a proposta. Já no dia 25 de janeiro, as pesquisadoras da universidade, que têm experiência na formulação de planos pedagógicos para uma educação pública de qualidade, foram recebidas no gabinete para nova conversa sobre a parceria.

Município busca atingir metas

A busca pelo suporte de uma instituição reconhecida como a UFRGS começou após auditoria realizada pelo Tribunal de Contas, em novembro de 2017, quando foi constatado haver um contraste entre o alto investimento financeiro do município em educação e o baixo aproveitamento dos alunos no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB).

- Triunfo foi escolhida para a auditoria porque era a terceira cidade do Estado que mais gastava em educação e a terceira pior em qualidade de ensino, de acordo com o IDEB. Durante o período entre 2013 e 2016, nós tivemos uma decadência nesse índice, inclusive houve escolas que não foram avaliadas pelo baixo número de alunos - esclarece o prefeito.

A auditoria determinou que a administração terá de cumprir as metas para a educação pública, dando início à implantação do turno integral nas escolas. Também, deverá atender a questão da falta de vagas, com a criação de novas Escolas Municipais de Educação Infantil (EMEIs).

O secretário de Educação, Pedro Canizio Dias Carvalho, enfatiza que o objetivo da parceria com a UFRGS é contar com especialistas que tenham propostas diferenciadas.

- Queremos cumprir as metas que nos foram passadas, melhorar nosso projeto pedagógico e investir na qualificação dos educadores da rede pública para que nossos alunos aprendam mais - conclui.