Seja bem-vindo
São Jerônimo, RS, 13/07/2024

  • A +
  • A -
Publicidade

Morre o comunicador Xicão Tofani

Apresentador lutava contra sequelas da covid-19 e doença de Crohn

Reprodução / Facebook
Morre o comunicador Xicão Tofani Alberto Francesco Tofani, mais conhecido como Xicão Tofani
Publicidade

Morreu nesta sexta-feira (5/07), em Porto Alegre, Alberto Francesco Tofani, mais conhecido como Xicão Tofani. O comunicador teve um infarto fulminante, segundo informou o jornal O Sul.

Na Rede Pampa, Xicão se notabilizou através dos programas de televisão, nos quais mostrou, ao longo de três décadas, os bastidores das grandes festas e casas noturnas de Porto Alegre. Ele integrava o elenco de comunicadores do programa Atualidades Pampa, da TV Pampa. Com mais de 40 anos de carreira, Xicão atingiu seu auge na emissora.

Na tela da TV Pampa, a boemia foi sua morada durante 15 anos. Em 1993, o programa Xicão Tofani iniciou uma trajetória de sucesso do comunicador de um jeito irreverente e inovador na vida noturna gaúcha. Acordar cedo nunca foi o forte de Xicão. Óculos escuros e relógios nos dois pulsos eram a marca registrada do homem mais “fashion” do Rio Grande do Sul. Seu gosto por História, Fórmula 1 e política rendiam horas e horas de boas histórias com o “descendente de Heitor”, como ele mesmo se proclamava, em referência a Heitor, o maior herói troiano, que liderou Tróia na guerra contra os gregos.

O comunicador eternizou suas histórias na noite, seu período preferido do dia, no livro “Vivendo a noite com Xicão Tofani”, lançado em 2019. No último ano, o comunicador assinou a obra “Covid – Da morte para a vida – A odisseia de Xicão Tofani”, na qual relatou a sua luta contra o coronavírus. Em outubro de 2020, Xicão deu entrada no Hospital de Clínicas e dois dias depois já foi encaminhado para o Centro de Terapia Intensiva (CTI), onde ficou entubado por quase um mês.

Ao todo, o apresentador ficou internado por 40 dias, e durante esse período teve a ideia de escrever um esboço do livro. O comunicador apresentou diversas sequelas depois de deixar o hospital. Ele precisou fazer acompanhamento fisioterapêutico e psicológico em seu tratamento.

Recentemente, o comunicador precisou se ausentar de suas atividades na TV Pampa para tratar a doença de Crohn, uma doença inflamatória do trato gastrointestinal. Ela afeta predominantemente a parte inferior do intestino delgado e intestino grosso, mas pode afetar qualquer parte do trato gastrointestinal.

As homenagens e despedidas ocorrerão no Cemitério João XXIII (Avenida Natal, 60, bairro Medianeira), em Porto Alegre, neste sábado (6), a partir das 8h e com encerramento previsto para 17h na Capela 9.

Publicidade



COMENTÁRIOS

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Buscar

Alterar Local

Anuncie Aqui

Escolha abaixo onde deseja anunciar.

Efetue o Login

Recuperar Senha

Baixe o Nosso Aplicativo!

Tenha todas as novidades na palma da sua mão.