Saiba como evitar desconfortos na pele durante a corrida de rua

Assaduras nas pernas e queimaduras são problemas comuns aos corredores

Por Portal de Notícias 15/06/2017 - 15:44 hs
Foto: Banco de dados
Saiba como evitar desconfortos na pele durante a corrida de rua
Medidas valem para corredores iniciantes ou profissionais

Para corredores amadores ou profissionais, é comum sentir desconforto na pele das coxas e das axilas, causados pelo atrito em virtude das passadas constantes e movimentos repetitivos. Porém, esses pequenos incômodos não podem servir de desestímulo, já que há soluções bem simples que ajudam os praticantes de corrida de rua.

O dermatologista e diretor da Sociedade Brasileira de Dermatologia - Secção RS (SBD-RS), Fabiano Pacheco, lembra que o primeiro fator a ser combatido é o sobrepeso, pois este aumenta o risco de atrito nas áreas de dobras de pele. Além disso, há pequenas ações que valem para os corredores iniciantes ou profissionais que contribuem para amenizar o incômodo como a aplicação de vaselinas ou pomadas nas regiões das coxas e axilas.

- Além de dermatologista, eu sou um corredor e já passei por algumas dessas situações de incômodo. A primeira recomendação é o uso de pomadas protetoras ou de barreira e vaselinas nas coxas e nas axilas. Pessoas que estão começando a buscar a qualidade de vida que a corrida traz, muitas vezes estão acima do peso e, por isso, sentem maior incômodo nessas regiões do corpo - afirmou.

Outro desconforto frequente ocorre na região dos mamilos, área que geralmente é esquecida pelos homens. Uma dica é proteger o local com fitas microporosas, para que a roupa não incomode, causando lesões no local pelo movimento de atrito causado pelo tecido. Quando surge alguma lesão, é importante procurar orientação de um dermatologista.

Com essas partes do corpo protegidas, existem mais riscos para a pele na corrida? Sim! O dermatologista lembra que os cuidados com o sol devem seguir no verão e no inverno.

- É importante que a corrida seja realizada com camiseta do início ao fim do exercício físico. Muitos corredores terminam um percurso sem camiseta e isso pode causar queimaduras solares na pele. Para correr, recomendamos passar bastante protetor solar em todo corpo, usar camiseta e bonés para proteção do rosto. O filtro solar vai saindo aos poucos da pele devido ao suor. Por isso, é essencial o uso do boné, que complementa a proteção. Caso a pessoa possa parar seu treino por alguns minutinhos para repassar o protetor, seria o ideal - destaca.

 

O médico ressalta que um dermatologista deve ser procurado nos casos de lesões em qualquer uma dessas partes do corpo. O dermatologista lembra que pequenos incômodos como esses são suficientes para interromper um treino ou mesmo uma prova. Portanto, é essencial tomarmos pequenos cuidados para que possamos buscar qualidade de vida sem desconfortos ou lesões.