Estado disponibiliza acervo literário digital para alunos e professores nas aulas remotas

Governo do Estado também anunciou liberação de aulas presenciais em regiões com bandeira vermelha

Por Portal de Notícias 24/11/2020 - 17:43 hs
Foto: Gustavo Mansur / Palácio Piratini
Estado disponibiliza acervo literário digital para alunos e professores nas aulas remotas
Estado disponibiliza acervo literário digital para alunos e professores nas aulas remotas

Com investimento de R$ 32,5 milhões do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), o governo do Estado, via Secretaria da Educação (Seduc), disponibilizará, na plataforma Google Sala de Aula, duas novas ferramentas que irão oferecer um acervo literário totalmente digital. O conteúdo está em conformidade com a nova Base Nacional Comum Curricular (BNCC) e se destina a alunos e professores no Modelo Híbrido de Ensino.
A plataforma Elefante Letrado foca os Anos Iniciais do Ensino Fundamental e vai oferecer livros, jogos interativos e relatórios de acompanhamento pedagógico de cerca de 250 mil alunos da Rede Estadual de Ensino. A ação tem um investimento de R$ 9,42 milhões.
Para os Anos Finais do Ensino Fundamental e Ensino Médio, a plataforma Árvore vai oferecer um acervo literário com mais de 36 mil obras, recursos pedagógicos para professores e estudantes, além de estímulo e desenvolvimento da leitura em sala de aula. Serão beneficiados 550 mil estudantes com um investimento de cerca de R$ 23,1 milhões.
- Não podemos nos esquecer da importância da educação para transformarmos a nossa realidade, inclusive para disseminar boas práticas sanitárias, de saúde, de cuidados, mas principalmente para prepararmos nossas crianças e jovens para o mundo que os aguarda lá. Um mundo que passa por muitas transformações e que vai demandar cada vez mais das crianças e dos jovens a capacidade intelectual de criatividade e de inovação, e sabemos o quanto a leitura pode e deve ser uma aliada no sentido de estimular as mentes das nossas crianças e jovens - destacou o governador Eduardo Leite.
Ambos os contratos, feitos por ata de registro de preço, têm duração de 12 meses, podendo ser renovados por até cinco anos. O conteúdo estará disponível a partir da próxima semana.
De acordo com o secretário da Educação, Faisal Karam, a iniciativa atende a uma demanda da comunidade escolar que ficou sem acesso às obras literárias durante a pandemia de coronavírus e da necessidade de qualificar e estimular o hábito da leitura, a interpretação de texto e a inserção dos alunos no novo contexto econômico global. O secretário adiantou que, nos próximos dias, será lançada uma ferramenta para auxiliar o ensino da matemática.
- As plataformas representam um avanço, no sentido de que os alunos serão acompanhados no desenvolvimento da leitura. Essas novas ferramentas estarão inseridas na plataforma Google Sala de Aula e contam com recursos inovadores para incentivar o engajamento do estudante. O professor terá acesso, de forma detalhada, a maneira com que o aluno utilizou o livro, desde o número de páginas que ele leu até o tempo que levou para concluir a leitura - explicou Karam.
O lançamento das ferramentas foi feito na tarde desta terça-feira (24/11), por meio de transmissão ao vivo nas redes sociais, com participação dos representantes da Elefante Letrado, Mônica Timm, e da Árvore, João Braga Leal.

Elefante Letrado

Elefante Letrado é uma plataforma digital de leitura para estudantes dos Anos Iniciais do Ensino Fundamental que disponibiliza um acervo literário e oferece estratégias que criam e desenvolvem o hábito de leitura nas crianças, impactando positivamente o seu desenvolvimento. Além disso, a ferramenta disponibiliza relatórios que fornecem dados sobre o aprendizado, auxiliando professores e gestores a promover a leitura e compreensão leitora. São 560 livros em português, 174 autores de 22 diferentes tipos de gêneros textuais e mais de 400 obras em Inglês.

Árvore

A plataforma Árvore disponibiliza mais de 36 mil livros de forma gamificada, que oferece para crianças e jovens uma forma ainda mais divertida para desenvolver habilidades e repertório de leitura. Além disso, a ferramenta oferece recursos de apoio ao educador para ajudar nas intervenções com os alunos.
Dentro do mesmo projeto, está a Árvore Atualidades. A cada semana, são publicados seis novos conteúdos de atualidades contemplando temas como Brasil, ciência e tecnologia, comportamento e muito mais para professores das mais diversas disciplinas trabalharem. O conteúdo é acompanhado de sequências didáticas alinhadas à BNCC, que permitem aos alunos refletir a respeito dos textos e desenvolver o senso crítico. 

Aulas presenciais em bandeira vermelha

Após reunião entre o governo do Estado e o Ministério Público (MP) nesta terça-feira (24/11), o governador Eduardo Leite anunciou mudanças nas regras do Distanciamento Controlado para a educação pública e privada. A fim de evitar prejuízos pedagógicos e psicológicos aos alunos, serão permitidas aulas presenciais em regiões classificadas com bandeiras vermelhas, desde que observados os protocolos sanitários. O decreto com a alteração deve ser publicado até quarta-feira (25/11).
Até então, as atividades presenciais nas escolas deveriam ser interrompidas caso a região em que estão localizadas ficasse por duas semanas consecutivas em bandeira vermelha. No mapa da 29ª rodada do Distanciamento Controlado, que passou a vigorar nesta terça, oito regiões foram classificadas com risco epidemiológico alto, mas poderão, a partir do novo decreto, manter em funcionamento ou abrir escolas.

Entre para o grupo do Portal de Notícias no Telegram e receba notícias da região








Deixe seu Comentário

Os comentários de leitores, no site ou em redes sociais, não representam a opinião do Portal de Notícias e são de responsabilidade única e exclusiva de seus autores, que poderão ser responsabilizados legalmente pelo seu conteúdo.