Defeito no gerador do Hospital de São Jerônimo provoca despesa de R$ 30 mil

Custo para o conserto é de R$ 20 mil e o aluguel de um novo equipamento mais R$ 10 mil

Por Portal de Notícias 12/01/2018 - 12:02 hs
Foto: Divulgação
Defeito no gerador do Hospital de São Jerônimo provoca despesa de R$ 30 mil
Novo equipamento foi alugado a R$ 10 mil mensais

Esta semana, o gerador de energia utilizado pelo Hospital de São Jerônimo apresentou defeito e precisou ser substituído por um equipamento locado, ao custo de R$ 10 mil mensais. A previsão de tempo para o conserto é de cerca de 30 dias e o custo para reparar o equipamento é de cerca de R$ 20 mil. O hospital, que passa por dificuldades financeiras, terá de absorver mais esta despesa extraordinária.

O gerador é necessário para manter os equipamentos do hospital funcionando no caso de falta de energia da CEEE. Segundo o administrador da casa de saúde, João Batista Pozza, o gerador é antigo, tem mais de 20 anos, e já não comporta toda a carga do Hospital, mas tranquiliza a população e diz que não haverá prejuízos no atendimento.

- Não haverá nenhum prejuízo à população, pois este gerador alugado tem a mesma função e capacidade do outro – disse.

O presidente do Conselho Municipal de Saúde, Valdir Pereira, lamentou o ocorrido e cobrou dos prefeitos da região e do Governo do Estado o repasse de recursos ao Hospital, que é a referência na Carbonífera e atende pacientes de toda a região.

“O gerador é necessário caso falte energia no momento de uma cirurgia, ele liga automaticamente, salvando vidas. O aluguel é mais que R$ 10 mil reais mensais. Os repasses do governo continuam atrasados. Os prefeitos da região transferem culpa, (dizem) que a obrigação é do Governo do Estado e Federal. Não tomam atitude em favor dos que os elegeram”, publicou nas redes sociais.

Segundo João Batista Pozza, o Estado está com cinco meses de repasses em atraso, o que representa R$ 4 milhões em recursos que deixam de ingressar na instituição.