Conclusão da BR-470 está em fase de estudos

Reunião tratou do andamento do processo de federalização, que prevê a conclusão do trecho não pavimentado e o projeto da ponte entre São Jerônimo e Triunfo

Por Portal de Notícias 16/10/2017 - 19:51 hs
Foto: Divulgação
Conclusão da BR-470 está em fase de estudos
Lideranças de São Jerônimo, Charqueadas e Triunfo participaram do encontro

Na tarde desta segunda-feira, 16, aconteceu uma audiência entre lideranças da região Carbonífera, solicitada pelo deputado Ronaldo Santini, e o superintendente do Dnit/RS, Hiratan Pinheiro. Participaram representantes dos municípios de São Jerônimo, Charqueadas e Triunfo. Em pauta, o andamento do processo de federalização da BR-470, que prevê a conclusão do trecho não pavimentado e o projeto da ponte entre São Jerônimo e Triunfo.

O superintendente informou que estão sendo feitos os estudos de Viabilidade Técnica, Econômica e Ambiental (EVTEA) para melhorias em toda a extensão da BR-470. As demandas da ponte e do trecho não pavimentado também estão em fase de estudo de viabilidade e de traçado. Depois deste processo, inicia a fase de projeto e licenciamento.

Participaram da reunião o ex-prefeito de São Jerônimo, Marcelo Schreinert, e os vereadores da cidade, Artur dos Santos, João Ramos, Rodrigo Marcolin, Filipe Almeida, Valmir Nunes, Filipe da Agricultura, João Ramos e Gilnei Ventura; a vereadora de Charqueadas, Rosângela Dornelles e seu chefe de Gabinete, Bruno Oliveira, e o representante da vereadora de Triunfo Marizete Vaz, Iuri Rosa.

 

Entenda

Em março de 2015, a gestão da rodovia BR-470, até então uma rodovia estadual, foi repassada para a administração do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit). A partir deste ato, a manutenção da rodovia passou a ser feita pelo Governo Federal – a chamada federalização cujo processo iniciou em dezembro de 2012.

O Governo Federal absorveu 234,2 km da rodovia à malha rodoviária federal  nos segmentos compreendidos entre os municípios de Arroio dos Ratos até o município de Lagoa Vermelha, na região de Campos de Cima da Serra, no nordeste gaúcho. 

No total, a rodovia possui 470,4 km de extensão no estado do Rio Grande do Sul e é uma rodovia de ligação que inicia no município de Navegantes (SC) e termina em Camaquã (RS), na BR-116, mas o traçado final nesta região ainda não foi definido.