Somar recebe Prêmio Chico Mendes pela terceira vez

Mineradora recebeu o Selo Verde de Responsabilidade Socioambiental, na categoria Gestão Socioambiental Responsável

Por Lucas Essvein 10/12/2016 - 10:55 hs
Foto: Leandro Borelli / Divilgação
Somar recebe Prêmio Chico Mendes pela terceira vez
Diretora executiva da Somar (ao centro, com o troféu), Veronica Della Mea recebeu a distinção

Após uma manhã  e uma tarde de debates sobre o  tema “Energia e Mudanças Climáticas”  no 3º Fórum Empresarial Chico Mendes de Sustentabilidade, realizado nesta última semana, em São Paulo, a  SOMAR – Sociedade Mineradora recebeu, pelo terceiro ano consecutivo, o Selo Verde Chico Mendes de Responsabilidade Socioambiental, na categoria Gestão Socioambiental Responsável.

Quase 500 empresas se inscreveram para edição de 2016 e somente 45 obtiveram a pontuação necessária para receber o aval da premiação e a autorização para a utilização do Selo Verde, que promove a valorização das marcas junto aos seus mercados consumidores. Na avaliação para a entrega do reconhecimento às empresas laureadas foram analisados itens como a política socioambiental implementada, atendimento a legislação vigente, educação ambiental, gestão de pessoal, ações sociais internas e externas, gestão de resíduos, conservação da biodiversidade, emissões de GEEs, eficiência energética e gestão dos recursos hídricos.

Na pauta do Fórum, com a presença de empresários, especialistas e representantes de instituições públicas e privadas, foram debatidos o Plano Nacional de Eficiência Energética, a Importância da Adaptação às Mudanças Climáticas aos Negócios das Empresas, o Desenvolvimento Sustentável e as Tecnologias do GLP, Incentivos para Projetos de Eficiência Energética, além da apresentação de cases de sucesso.

Entre o seleto grupo de dez painelistas, estavam a coordenadora da Plataforma Empresas pelo Clima – EPC do Centro de Estudos em Sustentabilidade da Fundação Getúlio Vargas, Mariana Xavier, o superintendente de Meio Ambiente da Itaipu Binacional e coordenador do programa Cultivando Água Boa, Jair Kotz, e o diretor substituto do Departamento de Desenvolvimento Energético  do Ministério de Minas e Energia, Luís Fernando Badanhan.

- Depois de conquistarmos certificações fundamentais e raras em nosso segmento, como a  ISO 14001 e a ISO 9001,  seguimos trabalhando para cuidar dos valores da nossa empresa e desenvolver estudos e pesquisas que contribuam para o desenvolvimento da mineração de areia - diz  Veronica Della Mea, diretora executiva da Somar, na ocasião acompanhada pela engenheira ambiental, Fernanda Souza.

Ainda durante a premiação foram entregues o 4° Prêmio Chico Mendes de Jornalismo Socioambiental e o Personalidade de Comunicação Socioambiental do Ano, nesta edição destacando a apresentadora, escritora, ilustradora e ambientalista brasileira, Paula Saldanha.

 

Ao lado da Somar, também foi premiada com o título Personalidade de Comunicação Socioambiental do Ano  a apresentadora, escritora, ilustradora e ambientalista brasileira, Paula Saldanha. Na foto, a diretora executiva da Somar (ao centro, com o troféu), Veronica Della Mea e a engenheira ambiental da Somar, Fernanda Souza, posaram ao lado de representantes da Pilleco Nobre, Lojas Americanas e a Naturovos, também homenageados com o Prêmio Chico Mendes.

Na foto, a diretora executiva da Somar (ao centro, com o troféu), Veronica Della Mea e a engenheira ambiental da Somar, Fernanda Souza, posaram ao lado de representantes da Pilleco Nobre, Lojas Americanas e a Naturovos, também homenageados com o Prêmio Chico Mendes.