Pedido de informações sobre a JC Lopes

Por Marcos Essvein 12/05/2017 - 16:03 hs

Pedido de informações sobre a JC Lopes

A vereadora Rosangela Dornelles (PT) que informações do Executivo Municipal sobre o contrato do Município com a JC Lopes, proprietária do Expresso Charqueadas, que presta serviços de transporte público circular na cidade. Segundo a vereadora, a comunidade tem reclamado do intervalo entre as viagens e desrespeito aos horários. Além disso, segundo ela, em alguns bairros o serviço é precário nos finais de semana, como no Parque Manoel João, Vila São Miguel, Vila dos Porto, Colônia Penal e Santo Antônio. Está não é primeira vez que a vereadora pede informações sobre este contrato, mas devido à falta de respostas colocou novamente o pedido em pauta no Legislativo. Caso as respostas não venham, ela pretende dar conhecimento do caso ao Ministério Público.

 

Carvão

Em Brasília, o governador José Ivo Sartori e o secretário de Minas e Energia, Artur Lemos, tiveram reunião, ontem, com o ministro de Minas e Energia, Fernando Bezerra Coelho Filho. Entre outros assuntos, governador sugeriu ao Governo Federal que volte a incluir o carvão mineral como fonte de energia. O Brasil possui a 14ª reserva mundial de carvão e 90% está localizada no Rio Grande do Sul. O governo nem fala em aumentar a participação do carvão na matriz energética, que atualmente é de 3%, mas de manter o percentual em novos leilões e modernização de equipamentos.

 

Pedido de cassação

Derrotada em primeira instância em Ação de Investigação Judicial Eleitoral (AIJE) que pedia a cassação do registro da candidatura de Simon Heberle e Edilon Lopes, a Coligação do Povo Para o Povo (REDE, PRB, DEM, PSDB e PV) recorreu da sentença. A decisão recorrida ao Tribunal Regional Eleitoral (TER) inocentou Simon e Edilon da acusação de compra de votos e boca de urna e, ainda, o ex-prefeito, Davi Gilmar Abreu, de abuso de poder econômico e de autoridade. Essa semana, um parecer da Procuradoria Regional Eleitoral (PRE) pede que seja negado o pedido de cassação. Cabe agora ao TRE julgar a ação.

 

Aumento do bote

A Câmara de Vereadores de São Jerônimo e os usuários do bote que faz travessia São Jerônimo- Triunfo juntaram documentos e elaboraram um dossiê sobre o aumento abusivo do preço das passagens. Este dossiê é o resultado de uma audiência pública realizada na Casa Legislativa, no final do mês passado, na qual a Agergs não compareceu para dar explicações sobre o aumento de 60% no preço das passagens. O dossiê será levado ao Ministério Público, na próxima quarta-feira, 17.

 

Agenda do prefeito

Nas redes sociais, alguns charqueadenses têm criticado a dificuldade para conseguir marcar uma reunião com o prefeito Simon Heberle, que nunca tem agenda disponível. Mas, ao mesmo tempo, lideranças do Sindicato dos Municipários e até vereadores da oposição têm elogiado o diálogo e a acessibilidade do prefeito. Quando o chefe do Executivo era Davi Gilmar Abreu de Souza, representantes do Sindicato não conseguiam conversar com o prefeito.

 

Segurança

A Comissão de Segurança e Serviços Públicos, presidida pelo deputado Catarina Paladini (PSB), aprovou ontem a realização de três audiências públicas. Uma delas, requerida pelo deputado João Fischer (PP), vai discutir